Facebook
Facebook
Pinterest
SOCIALICON

Até o dia 28 de junho acontece em São Paulo e Rio o Prove Portugal, evento gastronômico que traz delícias da terrinha pelas mãos de chefs renomados.

Um dos chefs que está por aqui é Rui Martins, Chef do Ano em 2016, profissional na lista das 10 pessoas mais influentes da gastronomia Portuguesa.

Na hora de criar os pratos, o chef português se une ao brasileiro e desenvolve um intercâmbio de sabores luso-brasileiros, como o sorvete de cumaru com farofa de castanha portuguesa, que provei no restaurante Factório, em SP.

Esse aqui, sensacional:

O festival é iniciativa do Turismo de Portugal que visa promover o intercâmbio gastronômico e cultural.

“A gastronomia é uma das principais motivações na hora de viajar. Portugal é, neste segmento, um dos países com a maior diversidade gastronômica do mundo, devido às características particulares de cada região. O desafio é identificar as experiências com a rica culinária de cada aldeia, vila, cidade”, diz Bernardo Cardoso, diretor do Turismo de Portugal no Brasil.

Como é o festival?

Restaurantes elaboraram menus de três tempos (entrada, prato principal e sobremesa), entre outras atividades, como masterclasses em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Neste link, vou consegue ver as datas e os menus servidos para se programar. Se for vegetariano, como eu, ligue no restaurante e pergunte se há um menu especial para você – eles costumam adaptar.

Alguns dos principais chefs portugueses farão parte do evento:

  • Vitor Sobral, um dos ícones da modernização da gastronomia portuguesa
  • Rui Paula, um dos jurados do Masterchef Portugal e dono de uma estrela Michelin
  • Rui Martins, eleito cozinheiro do ano em 2016
  • Pedro Pena Bastos, que já recebeu o prêmio Garfo de Ouro, tradicional em Portugal
  • Octávio Freitas, um dos chefes madeirenses com maior notoriedade

Sou vegetariana, o que eu comi?

Veja aqui os pratos que provei no Factorio. Avisei que era vegetariana antes, assim, os chefs adaptaram os pratos. Tudo foi acompanhado de vinhos portugueses, claro!

Vinho branco é o alentejano Sossego, e o tinto, Dão, Duque de Viseu.

Alentejo, onde foi produzido esse branco, é uma das regiões mais lindas de Portugal. Dão é feito na região centro-norte, excelente para tintos e brancos, de onde saem vários rótulos controlados e de altíssima qualidade.