Twitter
Visit Us
Follow Me
Pinterest

O Prêmio Impactos Positivos chega à 2ª edição. A iniciativa é da consultoria de Marketing e Comunicação em Turismo Global Vision Access.

Em plataforma própria, segue com a missão intacta: dar visibilidade e voz às iniciativas, projetos e pessoas que impactam positivamente seu entorno e o mundo.

Mais do que reconhecer, o prêmio busca engajar e inspirar cada vez mais pessoas a transformar a realidade em que vivem.

O Prêmio Impactos Positivos 2021 destaca projetos que buscam fazer a diferença nos âmbitos cultural, econômico, social e ambiental

O impacto gerado pode ser no ambiente, no cenário cultural de uma comunidade, por modelos econômicos sustentáveis e inclusivos, ou mesmo contribuindo para melhorar a vida de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Em 2020, os vencedores foram:

  • Salva Comida, que visa minimizar o desperdício de alimentos;
  • Roteiros Roraima, que promove a vivência de turistas com comunidades indígenas;
  • Brasil Food Safaris, que realiza expedições gastronômicas para auxiliar famílias que vivem da atividade turística, estimulando a visitação especialmente nos períodos da baixa temporada;
  • Pertence, clube de socialização para pessoas com deficiência intelectual de Porto Alegre

Com mais de 80 projetos inscritos no ano passado, o 2º Prêmio Impactos Positivos espera uma adesão ainda maior este ano.

As inscrições estão abertas. O processo de participação acontecerá da seguinte maneira: inscrições; votação dos 12 finalistas (três em cada uma das quatro categorias – Ambiental, Cultural, Econômica e Social); apresentação dos projetos dos finalistas e a votação final com um evento de premiação no dia 25 de novembro.

Apoios e embaixadores

Para a 2ª edição do Prêmio Impactos Positivos, cada categoria contará com o apoio de embaixadores para engajar e divulgar o prêmio em diferentes plataformas (videos, podcasts etc).

O embaixador da categoria Social é o chef Vinícius Rojo, da Rojo Gastronomia, que criou a startup de comida caseira Mama Filó. 

Já a embaixadora da categoria Ambiental é a consultora em turismo sustentável, Ana Duék da plataforma Viajar Verde.

Para a categoria Econômica, o embaixador é Mauro Calil, professor e referência em finanças pessoais e fundador da Academia do Dinheiro, projeto de educação financeira no Brasil, para todos.

A categoria Cultural tem como embaixadora Giovanna Menegon, atriz e apresentadora do Programa Cultura & Design, da TV Cultura.

O prêmio conta com o patrocínio do Sebrae, do Instituto Capitalismo Consciente Brasil e da consultoria em Marketing Digital Marta Poggi, além do apoio das Empresas Amigas como o Crédito Pérola, cuja missão é conceder crédito de maneira mais acessível e democrática e a Rede Mulheres do Turismo.

O prêmio tem ainda nosso apoio, Lado B Viagem, com site e redes sociais (siga!!) que divulga turismo sustentável, roteiros plant based (vegetarianos e veganos) e passeios éticos com animais.

Conta também com apoio das plataformas Lipe Travel Show, Acordei Quero Viajar, Viramundo e Mundovirado, LiveMore & TraveMore, Viajar pelo Mundo, Mundo pra Viver, Travelterapia, Travelpedia e Patty Leone.

Prêmio

Neste ano, os projetos mais votados em cada categoria serão premiados com:

  • consultoria da especialista Marta Poggi; 
  • assinatura por 1 ano no Instituto Capitalismo Consciente,
  • certificado oficial de membro da Global Impact Network, a primeira rede de impacto social do mundo que rastreia, mede e mostra os impactos positivos realizados em benefício do desenvolvimento sustentável

“O Prêmio Impactos Positivos é um instrumento que visa, sobretudo, valorizar e chamar atenção para o BEM, de maneira colaborativa.

É uma oportunidade para promover e aumentar o alcance e a exposição de projetos e pessoas que  contribuem para melhorar o mundo. É uma alegria poder organizar esse prêmio que carinhosamente chamamos de Oscar do Bem”, afirma Gisele Abrahão, diretora da Global Vision Access e idealizadora do Prêmio Impactos Positivos.

Conheça mais sobre o Prêmio Impactos Positivos 2021 e inscreva seu projeto!

 

Dos passeios aos hotéis e gastronomia: Flórida aposta na sustentabilidade

 

O que fazer em Mônaco, pequeno país, um gigante em sustentabilidade

Londres para vegetarianos e veganos: 5 experiências gastronômicas fantásticas